couve-flor tronco e membros


setembro 11, 2006, 6:58 pm
Filed under: Sem categoria

Michelle, numa segunda-feira de sol no bairro Catete da cidade do Rio de Janeiro. 

Vamos lá tentar explicar o que se passou nessa última semana de processo criativo.

A Stéphany esteve aqui no Rio durante toda a semana, e nós duas entramos numa imersão profunda de atividades: oficina de vídeo/dança da Tamara Cubas (a Sté escreverá como foi a oficina dessa pessoa especialíssima e uruguaia), mostra de vídeos do Dança em Foco, fazendo e repetindo experimentos em vídeo no metrô.

Sobre a criação do vídeo, já podemos falar que estamos saindo daquele momento de que “tudo é atraente”, para um momento de dar continuidade, lapidar e aprofundar uma mesma idéia. O momento agora é de aprimorar os procedimentos de criação. Na verdade passamos esses últimos 4 dias fazendo exatamente isso, repetindo a mesma “idéia/ação” para refinar como isso deve ser em termos de imagem de vídeo. O equipamento que estamos utilizando é o mais amador possível… filminhos com a câmera fotográfica, igual você Beti… a questão é: 1- que é esse o equipamento que tá na mão, 2- comecei a me atrair ainda mais pela textura singular criada por essa tecnologia, (fui encoraja pela Tamara)  3- os experimentos tem sido feitos todos os dias em que pego metrô, e é assim estou me especializando no uso dessa cam e do meu olhar para imagem em movimento.  E foi o que aconteceu em todos esses dias à caminho da oficina da Tâmara: eu e Sté no metrô capturando imagens sem nenhuma pretensão. E foi assim que começamos a visualizar enquadramentos, situações e procedimentos específicos para os vídeos que fizemos nesses últimos 4 dias. Nossos principais problemas técnicos foram pouca iluminação, contraste e o movimento do metrô (inevitável!) que deixou o vídeo um tanto tremido. Pensamos em colocar o vídeo numa velocidade bem menor que a real, criando um clima “tô num barco” aproveitando o tremor da filmagem… Vixe, idéias de edição surgiram mil. Ficamos de experimentá-las essa semana que eu for à Curitiba.A coisa toda é assim: .3 vídeos de aproximadamente 40 segundos cada. .Cada quadro (fixo) consiste em uma pessoa (eu ou Sté), 3 assentos, uma janela, o reflexo da janela, e o que aparece fora da janela, também inclui todos os possíveis passageiros que passarem na frente da camêra. .Cada vídeo repete o mesmo quadro e ação, que consiste em uma mudança de lugar/posição corporal. .No 3° vídeo, a “pessoa” sai do metrô e faz uma dancinha. .Finaliza com um X marcado próximo à janela. Ricardo fomos contaminadas por sua sugestão de criarmos vídeos pequenos…

Nossa essa descrição tá bem embolada. Depois me contem que imagens estão sendo criadas na cabeça de vocês.

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

rs, eu não escolhi que as letras ficassem assim cada uma de um tamanho.. Portanto não estou dando maior ou menor importância para as coisas…foi aleatório.

Comentário por couveflor




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: